sexta-feira, 16 de março de 2018

That's When I Think Of You!!

When I'm lost in a strange place
Scared and alone
When I'm wishing for home
That's when I think of you
When the load gets to heavy
Too much to bear
When I'm going nowhere
There's no one there
And I'm feeling like a fool
That's when i think of you
It's all that I can do 
I'd go mad if it wasn't for you
When I'm caught in the crossfire
Of wrongs making right
When I wake in the night 
That's when i think of you 
When I'm halfway to heaven 
With three parts of hell 
And its all just as well 
That I can't even tell 
And I'm lost without a clue 
If not for the thought of you
The promise of dreams come true
I'd go mad if it wasn't for you
When I'm a long way from loving
So far from home
When it feels like I'm in the twilight zone
And I just cant make it thru
If not for the thought of you
The promise of dreams come true
I'd go mad if it wasn't for you
I'm always thinking of you
It's all that I can do
I'd go mad not being with you
If not for the thought of Promise of dreams come true

I'd go mad not being with you



quinta-feira, 8 de março de 2018

Da saudade

❤❤

Há saudades que não passam, nem aliviam.
Há saudades que já o são mesmo antes de serem saudades. Nascem no medo da perda. Na consciência de que nada é eterno.
Há saudades que não passam, nunca! Alimentam-se de si mesmas. 
E há dias piores onde o silêncio não cabe, mas também não cabe mais nada.
Há dias melhores, onde só cabem as memórias... é das poucas coisas boas que doem: as memórias de dias felizes, dos momentos únicos, do que podíamos ter sido…

Há saudades que com o tempo já fazem parte integrante de nós, já moram no coração, no preciso lugar onde o amor fica guardado, quando tudo o resto já foi.
Guardamos religiosamente essas saudades. Agarramos-mos a elas com paixão.
Viver chega a ser miserável, porque não nos permite gravar mais de alguém do que o humanamente possível. E tentamos e tentamos não esquecer…
Mas um dia o cheiro, a expressão do olhar ou o mero gesticular cedem perante o tempo… Aquele que passa é um ladrão que jamais se consegue apanhar!

❤❤❤



❤❤❤

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Sapos e Príncipes



Quantos sapos temos que beijar até encontrar o Príncipe? 
(Pergunta para queijinho!!)

Não há nada pior do que ficar entusiasmado com alguém, conhecê-lo, permitir-se perder-se em nas suas fantasias , para depois descobrir que, não importa quantas vezes se beijar o sapo, ele nunca se vai tornar no Seu príncipe…

A maior verdade sobre encontrar o seu príncipe versus encontrar simplesmente outro sapo é, que a maioria dos sapos tem potencial para ser o príncipe de alguém, mesmo que eles não sejam príncipes para si. A maioria dos gajos que se idolatra à distancia, que se ouve que é um príncipe encantador , talvez seja um outro sapo , se fosse namorar com ele.

Isto acontece porque há várias nuances quando se trata de pessoas e nunca há certezas. A maioria das pessoas está no meio termo e pode florescer ou afundar num relacionamento, dependendo do parceiro que escolherem. Isso vale para qualquer um, independentemente do género ou identificação sexual.

As relações são uma colaboração entre duas pessoas. Ambas as pessoas vão trazer algo de único para a relação e a forma como as coisas se juntam, ou não, acabará por determinar o sucesso ou o fracasso da relação, muito mais do que a chamada qualidade dos indivíduos envolvidos. Porque a maioria das pessoas até podem ser pessoas de qualidade, mas isso não faz delas um bom parceiro.

Eu própria já fui um sapo horrível e desagradável para alguns parceiros e uma linda e doce princesa outros!! Não é porque eu tenha procedido de maneira diferente de um relacionamento para outro. É porque cada relacionamento é completamente diferente e alguns podem trazer o melhor de nós e outros podem trazer o pior , sendo que a maioria também não trás nada…


Somos capazes de transformar um sapo num príncipe com um único beijo, ou desejando que o seja ou se faça algo mais por isso. Mas deve-se sempre manter a mente aberta para que alguém que se possa pensar ser um sapo, enquanto estava no “charco” de outra pessoa, pode ser o Daddy delicioso que se espera. Cada sapo tem esse potencial, eles só precisam do parceiro certo para permitir que esse potencial seja realizado.


sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Note to self : tu tem juízo!!!







Pois é…. O que tem que ser parece que tem muita força

Ainda há uns tempos, dei por mim a pensar que o caso estava definitivamente arrumado. Pois parece que não. Houve nova dose. E que dose! 

O que eu ainda não percebi é se fico toda partida pelo que me esforço ou se é mesmo por levo uma grande “tareia”  …

Seja como for, é excelente, sempre excelente. É o toque, é o cheiro, é a voz…. . É tudo . É inexplicável. É o que é !


Depois fica sempre aquela vontade por mais, muuuuuito mais ….


Ai, ai!! Tu tem juízo que já tens boa idade para isso, ok?



sexta-feira, 21 de outubro de 2016

terça-feira, 18 de outubro de 2016


ou

CENAS sobre MIM



(... ou porque as pessoas interessantes que fazem coisas interessantes, nos conseguem pôr a fazer coisas interessantes e acreditar que talvez tenhamos algo interessante...)

- Chamo-me Sofia. Se fosse um animal seria uma cadela vadia. Ou uma leoa!

- Sou de Lisboa, a única cidade onde podia viver, a par com Barcelona, mas vivo em Oeiras.

- Sou completamente urbana mas quando preciso de fugir , sigo sempre na direcção do mar.

- Gosto de comida picante. Foi um feito do palato já em idade adulta

- Gosto da noite. De jantaradas. De beber uns copos.

-Gosto de Dançar. Muito. Perco-me a dançar. A maneira mais saudável e eficaz de me libertar

- Interessam-me culturas diferentes da minha.

- Admiro e não resisto à vulgaridade sincera nas coisas e nas pessoas. Os humanos ainda não deixaram de me surpreender

- Gosto de pessoas mas não tenho pachorra para gente chata

- Gosto de homens e gosto deles para tudo o que é sagrado e para tudo o que é mundano.

- Tenho uma grande sensibilidade musical embora não saiba tocar uma única nota de música.

- Sempre gostei de correr riscos. Sou atrevida. Já venci e já fui derrotada. Já tive muito e já tive nada.

- Tenho mau feitio. Sou refilona. Se sinto que tenho razão, ninguém me cala, ninguém me trava

- Embirro com algumas pessoas. Umas por razões que não sei explicar, outras apenas pelo facto de respirarem

- Também embirro com quem deliberadamente assassina a língua de Camões

- Acredito que cada um de nós carrega em si uma pilha de coisas e que isso é o seu SEGREDO. Contam-se pelos dedos de uma mão as que conhecem o meu.

- Permaneço alerta: sei que sou viciosa. E algumas vezes viciante.

- Sou permanentemente gulosa mas não por doces!

- Gosto do alternativo

- Gosto de detalhes, pormenores e coisas assim. Habitualmente vejo o que os outros não vêm e posso não reparar no que está mesmo na minha frente.

- Para mim tudo é subjectivo á excepção do Amor verdadeiro.

- Sou Mãe. A melhor que posso e que consigo ser. De resto, a minha filha é tudo e não existe nada acima dela. Mas também já lhe falhei algumas vezes.

- Gosto de partir à aventura sem destino traçado. Ir até onde o instinto me guiar, sem qualquer meta e chegar ao fim cansada mas feliz.

- Gosto do flirt. E de mistério e principalmente de pessoas enigmáticas.

- Cada vez tenho mais consciência do pouco que sei. Isso tem feito com que seja mais humilde.

- Gosto de ouvir alguém falar com a segurança de quem sabe o que diz.

- Sou romântica mas odeio tudo o que seja "kutchi kutchi”, lamechas e piroso. Sou sexual.

- Já vivi muitas vidas aqui e no Reino da Fantasia, onde me refugio sempre que posso.

- Sou uma eterna miúda, com tendências “bratty”

- Sou addicted em saltos altos

- Por muitos motivos sou alérgica a mentiras principalmente quando mentimos a nós próprios. Não gosto, portanto, de mentiras, prefiro as verdades difíceis. De resto, naquilo que não é essencial, até por preguiça, sou uma fácil

- Tenho um maravilhoso e omnipresente anjo da guarda que cuida de mim

- Prefiro ter tempo a ter dinheiro. E cada vez tenho menos tempo e menos dinheiro.

- Acredito que tudo depende da capacidade de SONHAR.

- Tenho muitos fãs (aka inimigos), seguidores e conhecidos às catadupas. Mas também tenho Amigos para toda a vida.

- Acredito em Deus. Acredito que a alma é eterna.

- Não tenho heróis. Tanto na ficção como na realidade, seduzem-me mais os anti-heróis.

- Gosto de bad boys.

 - A normalidade assusta-me

- Tenho um lado sombrio do qual nem sempre me orgulho

- Sei exactamente o que quero. Posso é deixar de querer!

- Acredito no Futuro. Acredito que todas as pessoas podem aprender e mudar.

- Já perdi o controlo e não gostei

- Já magoei e fui magoada. Também já perdoei e espero ter sido perdoada

- Sou capaz e já fiz coisas excepcionais.

- Gosto de “roubar” cenas e gosto que me roubem o coração.
;)